terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Série Delta - etapa Grécia

No ultimo domingo eu participei dos 10 km da série Delta, mais precisamente da etapa Grécia, no bairro do Ipiranga em São Paulo. Já adianto algo, essa corrida foi a mais difícil que eu já participei, com um percurso com algumas subidas e descidas. Logo quando cheguei no local de largada vi uma estrutura muito bem montada pela organização da O2. Eu estava muito feliz por largar no "pelotão Quênia", nome dado para aqueles que tinham um tempo abaixo dos 45 minutos, largando assim no primeiro pelotão. Acontece que meu corpo estava pouco preocupado com isso e eu não estava me sentindo bem, com dores musculares e com o corpo travado, consequência de uma semana sem treinos.


Quando me posicionei para a largada encontrei o amigo de blog Leonardo, que possui o blog "Corre Sampa", e conversamos um pouco sobre a prova, treinamentos e percurso, onde ele me deu ótimas dicas. Bem, a prova se iniciou já com uma subida e eu acompanhei o pessoal da frente até o primeiro km, onde eu fiz com o tempo de 3 minutos e meio. Tudo parecia ir bem, mas de repente comecei a enfrentar duas guerras: uma com o meu corpo que não obedecia e outra com a minha mente que ficava gritando que eu não ia conseguir e me mandava parar. Mas então eu comecei a trazer pensamentos positivos para a minha mente e pedia a  Deus para me dar forças e não desistir. A luta continuava e eu me surpreendi, pois depois de algumas subidas eu fechei os primeiros 5 km com o tempo de 20 minutos.


Mas depois do km 5 as coisas pioraram, a vontade de desistir aumentava, realmente o corpo não obedecia, mas mesmo assim eu continuava lutando contra o relógio para conseguir fazer um tempo abaixo dos 45 minutos. No km 7 eu já fui ajustando a minha mente para completar a prova, apesar de estar correndo em um ritmo mais lento e vendo varias pessoas me passar durante o percurso. O fim da prova foi com uma pequena subida, e então eu apertei um pouco o ritmo e consegui fechar a prova com o tempo de 44:49 segundos. Cada prova nos traz um aprendizado, e esta me trouxe um: é necessário treinar e se preparar para cumprir um objetivo, se não as consequências não são boas. A medalha foi bonita, eu só não o kit final, com um Gatorade e uma maçã apenas, sendo assim a galera da O2 precisa melhorar neste sentido. Apesar de tudo eu gostei do meu resultado, já que fiquei em nono na minha categoria. Agora é se preparar para a São Silvestre.


3 comentários:

  1. Olá Rafael.
    Caraca "sem treinar" fez um tempo Quênia. Meus parabéns.
    Imagino a suas dificuldades, que você já comento uem outro post, para treinar e por isso você é meu orgulho.
    Deus te abençoe e que você tenha um 2013 muito melhor!
    ABraços

    ResponderExcluir
  2. Grande RAfael !!!!

    Que beleza de tempo hein meu ammigo !!!
    Parabéns por cumprir o seu objetivo com muita garra !!

    Forte abraço

    Léo

    www.pisandoporai.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Show Rafa, bem legal ter te encontrado por lá...

    Belíssimo tempo...
    =D

    Abraço
    www.corresampa.com.br

    ResponderExcluir